quinta-feira, 8 de outubro de 2009

História da Assembléia de Deus – Ministério de Madureira – Campo do Brás – São Paulo

História da Assembléia de Deus – Ministério de Madureira – Campo do Brás – São Paulo
Fonte: CPO (Curso Preparatório de Obreiros)

Fundador do Ministério de Madureira: PAULO LEIVAS MACALÃO

Nasceu na cidade de Livramento, RS, em 17.09.03, filho do general João Maria Macalão e dona Joaquina Jorgina Leivas Macalão. O desejo dos pais era de que ele seguisse a carreira militar. Deus tinha outros planos para ele. Converteu-se em 05.04.1924, sendo batizado em 03.11.1924.

Começou campanha de evangelização nos subúrbios do Rio, passando por Realengo, Bangu, Campo Grande, Santa Cruz, Marechal Hermes, Petrópolis e Niterói. Em 17.08.1930, o missionário Gunnar Vingren, que havia se transferido para o Rio, consagrou Paulo Leivas Macalão ao ministério pastoral. Bangu foi à localidade escolhida para seu trabalho evangelístico e para construção do primeiro templo das Assembléias de Deus.

Mais tarde (15.11.1929) o trabalho foi transferido para MADUREIRA, bairro em que se estabeleceu como igreja sede. Em 17.01.1934, casou-se com Zélia Brito, nascendo-lhe um único filho, Paulo Brito Leivas Macalão. Por muitos anos, o pastor Paulo Macalão foi Conselheiro da Sociedade Bíblica, Conselheiro Vitalício da CPAD. Presidente do Instituto Bíblico Ebenezer, da Convenção Nacional de Obreiros de Madureira entre outros.

Em 26.08.1982, o Pastor Paulo Leivas Macalão passou a morar com o Senhor. Em 1923, inicio da igreja no Rio de Janeiro. Em 30.04.1924, registro oficial como igreja organizada.

O atual Presidente de Madureira: Bispo Dr. Manoel Ferreira.

Ministério de Madureira em São Paulo

Em meados de julho de 1938, chegava a São Paulo, o saudoso pastor Paulo Leivas Macalão, juntamente com sua esposa, a missionária Zélia Brito Macalão, em campanha evangelística que deu origem a Igreja Evangélica Assembléia de Deus, Ministério de Madureira, no estado de São Paulo, fundada em 13 de julho de 1938, com sede provisória, à Rua da Glória, 605. Pr. Silvio Brito foi seu primeiro pastor.

Mudou-se posteriormente para a Rua Cantareira. Com o crescimento foi necessário a construção de um templo. O terreno foi comprado pelo Pr. Otávio José de Souza. Esse terreno ficava na Rua Major Marcelino, 331. Como não comportava o povo, o Pr. Álvaro Mota comprou o terreno ao lado e edificou um majestoso templo que foi inaugurado em 25.01.1962. Posteriormente o pastor Lupércio Vergniano adquiriu um majestoso terreno na Avenida Celso Garcia que foi construído um belo templo que foi inaugurado em 15.11.2006 para cinco mil pessoas já na gestão do Rev. Dr. Samuel Cássio Ferreira.

Pastores do Campo do Brás:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chat Colonia Japonesa